segunda-feira, 13 de maio de 2013

Abacate

Abacate- Persea americana- América do Sul
 
Uma árvore da família da laureáceas nativa do México ou da América do Sul, hoje extensamente cultivada em regiões tropicais, inclusive nas Ilhas Canárias e na Ilha da Madeira.1
 
Facilita a digestão e o seu consumo constante e prolongado combate o reumatismo e o ácido úrico. É útil no combate aos cálculos da vesícula biliar e às úlceras gastroduodenais.
 
 
 
Originário da América tropical, de regiões colonizadas por espanhóis, o abacate espalhou-se pela América do Sul, chegando até a Amazônia, podendo ser encontrado hoje em todas as regiões do Globo que possuem solos férteis e calor suficiente. Existe mais de 30 tipos de abacate no Brasil, atualmente o maior produtor mundial, mas exporta menos do que deveria, pois pelo motivo de o nosso abacate ser grande e bonito (pesa em média 500 gramas), é estranho aos consumidores europeus, que preferem frutos de menores dimensões, como o avocado, cultivado há apenas 1 década no Brasil, o qual pesa cerca de 85 gramas apenas.

O Brasil é o único país do mundo que tem o hábito de comer abacate com açúcar, no resto do mundo ele é consumido em preparações salgadas. Pelo motivo de ser consumido com açúcar no Brasil, o abacate, que é uma fruta rica em gordura, ganhou facilmente a fama de ser calórico e foi excluído da dieta habitual por toda a população por medo do ganho de peso e aumento de colesterol, fatos que vamos conferir a seguir que é um grande MITO!
 
COMPOSIÇÃO NUTRICIONAL
O abacate é uma das raras frutas que contém proteínas, é rica em gordura monoinsaturada (a mesma do azeite de oliva), vitamina E, C e A, acido fólico (essencial para gestante), potássio, ferro e betacaroteno.
 
 

 
QUAIS SÃO SEUS BENEFÍCIOS?

Efeito Anti-obesidade

Ele tem a fama de engordar, e devido sua riqueza de calorias, sempre foi o grande vilão das frutas e inimigo das dietas, mas agora, acredite se quiser, pesquisadores do mundo todo afirmam que a fruta emagrece, diminui o índice de massa corporal (IMC) e reduz em até 42% o risco de síndrome metabólica (desordem capaz de desencadear diabetes e obesidade). O segredo está em comer a fruta com frequência em doses moderadas, sozinha ou em receitas leves. O mérito deste poder está no ÁCIDO OLÉICO, a mesma gordura do azeite de oliva, esse tipo de gordura é excelente para regular os níveis de colesterol total e elevar o bom colesterol (HDL colesterol).
 

Quais são os efeitos que auxiliam na redução de peso?
 
Aumenta a saciedade, adia a fome e procura por alimentos;
A presença de uma substância chamada Beta-sitosterol, reduz a inflamação das células, facilitando o emagrecimento, a perda de gordura corporal, melhorando o controle do diabetes;
Quando consumido na hora de dormir, o abacate intensifica a ação da hormona do crescimento (GH), que ajuda o corpo a formar mais músculos e usar a gordura estocada como fonte de energia.
 

Considerações sobre o peso corporal
 
Por ser um alimento calórico, o exagero não descarta aumento de peso, por isso é importantíssimo o consumo na quantidade correta e sem açúcar. Peça ajuda da sua Nutricionista para introduzi-lo com segurança na dieta. Lembrando que engordamos quando comemos mais do que gastamos!

Infelizmente não existem milagres, devemos sempre ter bom senso e fazer boas escolhas alimentares, além de uma atividade física rotineira. A quantidade correta para consumir o abacate é em média 2 colheres de sopa, 3 vezes na semana. Uma porção suficiente para trazer pontos positivos para saúde.
 
Outros benefícios do Abacate na Saúde:

  • Importante para o crescimento das crianças e para nutrição equilibrada em idosos;

  • Auxilia os diabéticos no controle da glicemia, devido seu baixo índice glicêmico;

  • Importante para hipertensos, devido seu alto teor de potássio e insignificante teor de sódio;

  • Previne e trata doenças cardiovasculares (gordura monoinsaturada);

  • Essencial para tratamento de doenças do fígado (Esteatose hepática - “gordura no fígado”, hepatite, intoxicações), devido seu alto teor de L-glutationa, um poderoso antioxidante, que ajuda a atenuar os danos provocados nesse órgão;

  • Melhora problemas do aparelho digestivo (gastrite, prisão de ventre, cólicas intestinais e flatulência), além de possuir uma boa digestibilidade;

  • Para atletas auxilia a força muscular e desempenho, por ser uma grande fonte de energia;

  • Possui beta-sitosterol, também ajuda a combater rugas, acne e celulite;

  • Possui polifenóis anticancerígenos, que ajudam o corpo a neutralizar a ação dos radicais livres.
 
                                        
COMBATENDO UM MITO: E como fica o colesterol?

O Abacate não possui colesterol na sua composição por ser de origem vegetal
A gordura monoinsaturada presente no abacate e no azeite de oliva protege os vasos sanguíneos e o coração contra infartos, tromboses, entupimento das veias, doenças cardíacas e bloqueia a ação do LDL (colesterol ruim).
O consumo frequente de abacate reduz os níveis de Colesterol Total e Triglicerídeos e eleva os níveis do HDL (bom colesterol).
 

DICAS CULINÁRIAS
 
Cuidados ao comprar:
 
Os melhores abacates são os mais pesados e firmes. Algumas vezes apresentam manchas de cor marrom-clara na casca, mas este é um defeito apenas superficial que não altera a qualidade da fruta. Para saber se esta no ponto faça uma ligeira pressão com os dedos na casca, quando está maduro o dedo afunda levemente na fruta.
 

Cuidados no preparo:
 
A polpa deve estar sem fibras, esta sim sem manchas, começando a amolecer.
Não pode ser cozido nem aquecido;
Para que o creme de abacate não escureça, depois de pronto coloque-o num prato fundo e ponha o caroço da fruta, sem lavar, bem no meio do prato, guardando-o na geladeira até o momento de servir;
Para pratos salgados, use abacates bem maduros, caso contrário ficarão muito amargos;
 
Como conservar:
 
Deve ser guardado em local fresco e arejado;
Se desejar que o abacate amadureça mais rápido ao levar para casa, enrole em um saco de papel e coloque em ambiente sem luz;
O abacate ainda verde não pode ser guardado na geladeira, pois interrompe o processo de maturação;
Para que o abacate cortado não escureça, passe uma camada fina de limão na parte cortada;
Quando for usar somente metade do abacate, deixe a outra metade guardada na geladeira com o caroço, para evitar que deteriore com rapidez;
http://danusaefarida.blogspot.pt/2012/05/aproveite-abacate-fruta-da-estacao.HTML


Dicas verdes:

Sei que os botânicos do Amazonas também o indicam para baixar os níveis de ácido úrico no sangue e por isso é bom para o tratamento da gota. (referido em "Farmácia Verde", James A. Duke)

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...